Vira Lata

2001 - Coletânea

Release

O Som dos Porões Cariocas nos anos 00

Um recorte panorâmico da cena independente do Rock carioca da época, que vai do Punk Rock ao Raggamuffin, sem escalas. A coletânea “Vira Lata” nasceu da atenção e interesse genuíno que a Rastropop tinha (e tem) pela música que acontece, também, fora dos holofotes.

Entusiasmados com a cena independente do Rio de Janeiro do início dos anos 2000, juntamos alguns nomes dela em um disco e lançamos.

Se liga no elenco:

Gabriel Muzak: O som do ex-Funk Fukers é como um encontro cheio de malícia e alguma latinidade do Funk com o Rock.

Staples: Meninas cheias de punch pilotando um Punk Rock festeiro e cantado em inglês.

Crioulo Core: Som pesado de protesto. Cru, direto e barulhento.

Engajaduz: Tudo a ver, Raggamuffin de brasileiro. A mistura de Reggae e Rap com sotaque nacional.

Oh! Valerie: Referência do underground carioca. Banda com fortes influências do Rock inglês e das chamadas Guitar Bands.

Punkadaria Rapcore: O nome da banda é tipo um spoiler. Enfim, som pesado sem refresco.

Kongo: A banda que fez sucesso nos anos 80 em retorno inspirado. É Ska alto astral.

Direção Artística: Henrique Crespo e Maurício Negão

Onde Encontrar:

Amazon